Home » » Saúde investiga se 5 novas mortes têm relação com a dengue na Paraíba.

Saúde investiga se 5 novas mortes têm relação com a dengue na Paraíba.


A Secretaria de Estado da Saúde (SES) da Paraíba está investigando a relação de cinco novas mortes no estado com a dengue. Os casos foram registrados entre 25 de janeiro e 26 de fevereiro nos municípios de Monteiro, Pilões, Caiçara, João Pessoa e Bayeux. Outras três mortes já haviam sido registradas em janeiro e seguem em investigação, em Campina Grande, Monteiro e Sapé.

Os dados são do Boletim Epidemiológico divulgado nesta quinta-feira (3) pela Gerência de Vigilância em Saúde. A SES ainda desenvolveu uma plataforma de disponibilização de dados sobre a relação entre focos e notificações na internet.
A Paraíba notificou 8.116 casos prováveis de dengue no período de 1º a 27 de fevereiro. Se comparado aos 911 casos notificados em fevereiro do ano passado, o aumento é de 790,88%.

Quanto à circulação viral de zika este ano, exames laboratoriais já comprovaram sua presença nas cidades de Caldas Brandão, João Pessoa e Campina Grande, enquanto em 2015 o vírus foi detectado em João Pessoa, Campina Grande, Olivedos e Cajazeiras.

No caso da chikungunya, há circulação viral em Monteiro, Coremas e João Pessoa. Em 2015, houve a confirmação em Monteiro. De 1º de janeiro a 29 de fevereiro de 2016, registrou-se 81 casos notificados como suspeita da febre chikungunya.

Quanto à incidência da dengue, em 2016 ela é de 204,31 casos para cada 100 mil habitantes. No mesmo período de 2014 e 2015 foram registrados, respectivamente, 18,48 e 22,93. “Diante destes dados, é de extrema importância traçar, executar e intensificar as ações de combate ao mosquito Aedes aegypti, numa parceria entre as gestões federal, estadual e municipal, com o envolvimento da população”, alertou a gerente executiva da Vigilância em Saúde, Renata Nóbrega.



G1
Compartilhe: :

0 comentários:

Postar um comentário