Home » » PRF promove ações educativas no transito de Cuité

PRF promove ações educativas no transito de Cuité


Conversamos com o Agente Cledson, chefe de educação no trânsito da Polícia Federal no Estado da Paraíba. Cledson enfatizou a importância de ações como essa aqui na região, tendo em vista o grande número de acidentes que acontecem nesse trecho que liga Nova Floresta a Cuité, onde muitos motociclistas andam sem capacete, os motoristas relaxam por causa da curta distância entre as cidades.

A ação está sendo realizada com a junção da educação com SAMU, com Bombeiro Civil e outras entidades. A preocupação com o trânsito vem crescendo cada vez mais por causa de números que mostram, por exemplo, que acidentes de trânsito vem matando mais do que arma de fogo.

No entanto, esses casos vão sendo tratados com maior naturalidade por estarem sendo cada vez mais frequentes e por isso as pessoas associando a fatos normais do cotidiano. Tendo em vista esse aumento no número de acidentes na região, Cledson diz que a Polícia Rodoviária Federal chama a população e os órgãos para se mobilizarem em função desse grande projeto chamado FETRAN que será implantado na cidade de Cuité. Dentro desse projeto será realizado um festival estudantil temático na cidade de Cuité que contará com a participação das escolas para formar a consciência de todos os alunos e das comunidades onde estes alunos estão inseridos. Sendo assim os alunos terão um papel fundamental na disseminação desse conhecimento para transformar as atitudes dos motoristas para salvar vidas. Inicialmente serão contempladas com o projeto apenas duas escolas, uma estadual e uma municipal. Mas no ano que vem pretende-se ampliar esse número para envolver não só as escolas municipais e estaduais como também as escolas particulares.


Um dos principais objetivos desse projeto é fazer com que os motoristas tenham maior cuidado no trânsito não pela existência da fiscalização, mas sim através da conscientização da necessidade de ter maior cuidado ao dirigir, sempre usar o cinto de segurança, andar sempre de capacete nas motocicletas, não fazer ultrapassagens proibidas, respeitar os limites de velocidade, nunca dirigir depois de consumir bebida alcoólica entre outras atitudes que podem salvar muitas vidas.

Ao implantar esse projeto com crianças e adolescentes, se encontra uma forma de através da abordagem mais cedo se possa criar futuros adultos conscientes da importância de ser um motorista, motociclista responsável, que não dirija só por si, mas também por todos que possa encontrar no caminho.




89FM com rede Mais Notícias
Compartilhe: :

0 comentários:

Postar um comentário