Home » » Picuí receberá dia 12/07 a Caravana do Coração.

Picuí receberá dia 12/07 a Caravana do Coração.


A ‘caravana do coração’ estará em Picuí no dia 12 de Julho para a realização de vários atendimentos.  

O Governo da Paraíba, por meio da Secretaria de Estado da Saúde (SES) e da Rede de Cardiologia Pediátrica da Paraíba (RCP), em parceria com a ONG Círculo do Coração de Pernambuco, se prepara para mais uma Caravana do Coração. Esta é a quarta vez que o evento acontece no Estado e, nesta edição, que será realizada de 4 a 17 de julho, 13 municípios serão contemplados.

O público-alvo da caravana é formado por crianças de 0 a 12 anos e gestantes com idade gestacional de 22 a 28 semanas que apresentem algum tipo de cardiopatia ou problemas oriundos de cardiopatias.

“A Caravana está em seu quarto ano consecutivo nos mesmos municípios paraibanos. A população já nos espera, sim, com expectativas boas de atendimento às crianças. Nossa equipe está sempre se reinventando com empenho e dedicação. Esperamos, mais uma vez, deixar a nossa contribuição para a melhoria qualidade de vida local”, afirmou a coordenadora da RCP, Sandra Mattos.

Ela explica, ainda, que a Caravana do Coração tem por objetivo realizar um mutirão de triagens, consultas e exames cardiológicos com ajuda de uma equipe multidisciplinar de profissionais de diversas áreas.

“Estamos programando tudo o que diz respeito às atividades: capacitação dos profissionais envolvidos, análise prévia dos casos e atendimentos aos pacientes, custos, estudo da realidade de cada município por onde a Caravana vai passar, infraestrutura, estadia e alimentação durante os dias de viagem”, disse

A uma semana do início das atividades, a equipe se prepara diariamente para ajustes técnicos, logísticos e administrativos. “É um trabalho constante que requer zelo e cuidado – a equipe se reúne diariamente. Elaboramos manuais de procedimentos para voluntários, coordenadores e da própria Caravana 2016. Eles têm conteúdo esmiuçado, com orientações sobre quem fará o quê e de que forma. Entendemos que, assim, o trabalho fica melhor norteado e, certamente, colheremos os melhores frutos ao final do evento”, pontuou Sandra Mattos.

Meta – A IV Caravana do Coração terá duração de duas semanas, com o objetivo de aumentar o número de pacientes atendidos e capacitações através de um maior contingente de profissionais. Para este ano, a meta é atender cerca de 1300 pacientes entre gestantes e crianças, totalizando cerca de 15 mil atendimentos, tendo em vista que cada criança poderá ter acesso a até oito atendimentos diferentes nas mais diversas especialidades: Cardiologia, Odontologia, Neurologia, Ultrassonografia, Ecocardiografia, Clínica Médica, Fisioterapia, Fonoaudiologia, Nutrição, Psicologia e Arte-educação.

Serão atendidos até 100 pacientes por cidade (80 crianças com cardiopatia, dez crianças com microcefalia e dez fetos). Além disso, serão feitas até 315 capacitações profissionais por cidade – até 25 especializações em Ecocardiograma Fetal, 120 Atualizações em Enfermagem, 120 qualificações em Ausculta Eletrônica, 25 em Enfrentamento da Microcefalia e 25 em Propriedade Intelectual.

Novidades – Uma das novidades este ano é o engajamento de profissionais de saúde internacionais, com objetivo de realizar estudos relacionados ao atual surto de microcefalia. O CDC dos Estados Unidos trará um pediatra, um neurologista, um oftalmologista, um geneticista e um ultrassonografista. Da Inglaterra, a equipe terá um infectologista e um jornalista. De Portugal, três engenheiros da computação. Do Japão, especialistas de doenças infecciosas, patologia e imagem. Ao todo são cerca de 20 professores e pesquisadores.

Está previsto, ainda, o lançamento do Projeto de Humanização e Capilarização – Família do Coração. O objetivo geral do Projeto é formar um grande círculo de famílias do coração na Paraíba, aproximando as realidades e promovendo troca de experiências.

“Esta ação pretende envolver as mães que estão na comunidade para ajudar no acompanhamento das famílias das crianças com doença cardíaca ou microcefalia nas comunidades locais, facilitando o contato dessas famílias nos ambulatórios estabelecidas pelo Círculo Coração nas suas comunidades. Este grupo dará início ao ‘Clube do Coração’”, explicou Sandra Mattos.

Outra novidade para este ano é que serão prestados, também, serviços de saúde bucal – avaliação, orientação, distribuição de kits de escovação e aplicação de flúor. Além disso, bebês com microcefalia também serão assistidos pelo projeto.



redação com ascom 
Compartilhe: :

0 comentários:

Postar um comentário