Home » » Polícia prende último suspeito de assassinar homem em Remígio PB.

Polícia prende último suspeito de assassinar homem em Remígio PB.


Policiais Civis da 12ª Delegacia Seccional de Esperança, em uma ação coordenada pelo Grupo Tático Especial do Núcleo de Homicídios, cumpriu na tarde dessa quarta-feira (1) um mandado de prisão contra Marinaldo Clementino Quinto da Silva, suspeito de participar do homicídio contra Leonardo Pereira da Silva, 28 anos. O crime aconteceu em janeiro desse ano na cidade de Remígio.

Leonardo foi atingido por vários tiros disparados por uma dupla de moto que abordou a vítima nas imediações da Travessa da Palmeira, localidade conhecida como Buraco da Gia.

Depois do crime, os suspeitos fugiram sem levar nada da vítima. Os primeiros levantamentos realizados no local mostraram que Leonardo já tinha escapado de algumas tentativas de homicídio e que já tinha cumprido pena por vários crimes.

As investigações levaram a polícia aos três suspeitos do assassinato. Manoel Pereira da Silva Neto e Erinaldo Quinto da Silva foram presos em maio.

Os dois fazem parte de uma família conhecida na região por envolvimento na prática de homicídios e tráfico de drogas.

No momento da prisão, Marinaldo, que também é parente dos presos, conseguiu fugir. Mas foi identificado e a prisão preventiva dele foi solicitada à Justiça e cumprida pelos policiais do GTE Núcleo de Homicídio.

Com a prisão do terceiro suspeito, a polícia encerra o inquérito que investiga o homicídio de Leonardo.

“As investigações mostraram que o mandante do crime foi Manoel e foi motivado por uma desavença que ele teve com a vítima. Os dois teriam se envolvido em uma briga e Manoel foi atingido com golpes de faca desferidos por Leonardo. Depois disso ele passou a seguir a vítima e mandou Marinaldo e Erinaldo executar Leonardo”, disse o delegado Jorge Luiz Almeida da Silva.

Erinaldo seria a pessoa que atirou e matou a vítima e Marinaldo estava pilotando a moto.  Marinaldo foi ouvido e autuado por homicídio qualificado. Ele foi encaminhado para a Cadeia Pública de Remígio.

“Esta prisão mostra o compromisso dos nossos policiais no combate à criminalidade na região. O nosso objetivo é desarticular todo e qualquer tipo de grupo criminoso que pretenda se instalar nas cidades que integram a Delegacia Seccional, para isso contamos com o trabalho dos nossos policiais que atuam incansavelmente na busca de elementos de autoria dos fatos”, concluiu o delegado seccional Henry Fábio.

Do inicio do ano até agora, a 12ª Delegacia Seccional de Esperança já realizou 127 prisões em toda a área, dessas 60 foram efetuadas pelo GTE do Núcleo de Homicídio.



FONTE: Redação com Secom/PB
Compartilhe: :

0 comentários:

Postar um comentário