Home » » Em Picuí a UPA do Limeira está com prazo de entrega vencido.

Em Picuí a UPA do Limeira está com prazo de entrega vencido.

Na placa da obra não consta o nome da construtora responsável
Com prazo de entrega mais que vencido, os serviços de construção da UPA no bairro Limeira caminha a passos de tartaruga e não deve ser por falta de dinheiro.

De acordo com matéria publicada no blog do vereador Olivânio Remígio a prefeitura de Picuí já pagou mais um milhão a empresa responsável pela construção da referida obra.

A placa ainda existente no local informa que a obra deveria ter sido entregue em dezembro de 2015, portanto com 7 meses de atraso. Ainda de acordo com a placa os recursos do governo federal são de 1.394.386,04 (Um milhão, trezentos e noventa e quatro mil, trezentos e oitenta e seis reais e quatro centavos). A este valor acrescenta-se ainda a contrapartida do município.

Nos últimos dias houve uma paralisação na obra e até agora os motivos não foram explicados, falta de recursos não deve ser.

Os Picuienses esperam que essa obra não tenha o mesmo destino que a creche, inacabada e abandonada também no bairro Limeira e a biblioteca ao lado do estádio Amauri Sales de Melo, obras conveniadas com o município.

Creche do Limeira inacabada e abandonada
Biblioteca inacabada e abandonada
Em breve tem mais.
Francisco Araújo

Confira abaixo a matéria publicada no blog do vereador Olivânio:

UPA - Picuí: Prefeitura de Picuí já pagou mais um milhão a empresa responsável pela construção da UPA.

Em outubro de 2015 a prefeitura de Picuí recebeu de uma só vez a importância de R$ 1.200.000,00 para construção da UPA – Unidade de Pronto Atendimento que fica localizada no Bairro Limeira.

A empresa responsável pela edificação da obra, vencedora da licitação no valor de R$1.397.016,31 já recebeu R$ 1.048.953,96 (um milhão, quarenta e oito mil, novecentos, cinquenta e três Reais e noventa e seis centavos) o que corresponde ao pagamento de 87% do total repassado pelo governo federal.

Desse total repassado a empresa R$ 587.550,79 ocorreu em 2015 por meio de oito pagamentos, já os R$ 461.403,17 foram pago em 2016 por meio de 4 pagamentos.

O Saldo na conta bancária FMS/PICUI FNS BLINV UPA 16.235-3 agência 024414 até o dia 30 de abril de 2016 é R$226.281 levando em consideração o rendimento no período.

Resta saber onde está o problema da falta de pagamento aos trabalhadores que erguem a obra, fato denunciado nas redes sociais durante a semana. O velho discurso dos governistas municipais é falta de repasses por parte do governo federal, fato que foi desmentido acima.



Blog do vereador Olivânio Remigio
Compartilhe: :

0 comentários:

Postar um comentário