Home » » Prefeita de Cuité e prefeito de Nova Floresta terão contas julgadas pelo TCE/PB.

Prefeita de Cuité e prefeito de Nova Floresta terão contas julgadas pelo TCE/PB.


Na pauta de julgamentos do TCE tem contas de 14 Prefeituras e 5 Câmaras Municipais.

O Tribunal de Contas da Paraíba vai se reunir, nesta quarta-feira (31), a partir das 9 horas, para o julgamento de 34 processos, 14 deles atinentes a igual número de Prefeituras e cinco provenientes de Câmaras Municipais. Também serão verificadas, na ocasião as contas do Corpo de Bombeiros (exercício de 2014), das Secretarias de Estado da Administração (2011) e do Desenvolvimento da Agropecuária (2012).

Terão as contas de 2013 julgadas pelo TCE os prefeitos de Piancó (Francisco Sales de Lima Lacerda), Pedra Branca (Allan Feliphe Bastos de Sousa), Nova Floresta (João Elias da Silveira Neto Azevedo), Junco do Seridó (Cosmo Simões de Medeiros) e Joca Claudino (Lucrécia Adriana de Andrade Barbosa).

Também ocorrerá o julgamento das contas de 2014 encaminhadas pelos prefeitos de Remígio (Melchior Naelson Batista da Silva), Assunção (Rafael Anderson de Farias Oliveira), Borborema (Maria Paula Gomes Pereira), Congo (Romualdo Antonio Quirino de Sousa), Condado (Caio Rodrigo Bezerra Paixão), Santa Cruz (Raimundo Antunes Batista), Natuba (José Lins da Silva Filho), Itabaiana (Antonio Carlos Rodrigues de Melo Junior) e Cuité (Euda Fabiana de Farias Palmeira Venâncio).

As Câmaras de Vereadores com prestações anuais de contas na pauta desta quarta-feira são as de Araruna, Jericó, São Mamede, Caldas Brandão e Imaculada, todas referentes ao exercício de 2014.

As sessões ordinárias do Tribunal de Contas do Estado, organismo presidido pelo conselheiro Arthur Cunha Lima, ocorrem, semanalmente, às quartas-feiras, com acesso permitido ao público e transmissões ao vivo pela internet portal.tce.pb.gov.br . Os processos constantes da presente pauta de julgamentos indicam movimentação de recursos públicos superiores a R$ 587 milhões.



Ascom/TCE-PB
Compartilhe: :

0 comentários:

Postar um comentário