Home » » Professores da UFCG aprovam nova paralisação.

Professores da UFCG aprovam nova paralisação.


Os professores da UFCG aprovaram numa assembleia geral da categoria, na manhã de hoje, paralisar suas atividades na próxima terça-feira, 16 de agosto, em adesão ao Dia de Lutas e Mobilizações convocado pelas maiores centrais sindicais brasileiras, em defesa do emprego, dos direitos e da Previdência Social.

A categoria também aprovou ações políticas, administrativas e jurídicas contra uma série de injúrias e difamações que têm sido divulgadas nas redes sociais para o sindicato e os professores.

A paralisação na próxima terça-feira (16/08) foi aprovada pelos professores após a apresentação de avaliações políticas na assembleia do Sindicato, que demonstraram que a categoria e demais trabalhadores devem reagir contra os ataques a seus direitos sociais e trabalhistas, pois o Governo Federal e seus partidos aliados têm intensificado as tentativas de aprovar no Congresso Nacional inúmeros projetos contrários aos servidores e ao serviço público.
A paralisação no dia 16/08 está sendo convocada pelas oito maiores centrais sindicais do país, dentro da bandeira de luta “Em Defesa do Emprego, dos Direitos e da Previdência”.

No item de pauta “ADUFCG e as Redes Sociais”, a diretoria apresentou uma avaliação sobre a crescente quantidade de injúrias e difamações que têm sido divulgadas nas redes sociais contra o Sindicato e alguns de seus filiados, por eles defenderem a construção da greve geral dos trabalhadores contra os ataques aos direitos sociais e trabalhistas.

Vários professores apontaram a necessidade de promoção de ações judiciais, em paralelo com processos administrativos e iniciativas políticas devem ser promovidas pela ADUFCG, contra quem esteja praticando esses crimes, barrando estes ataques e a tentativa de intimidação ao movimento docente.

Entre os encaminhamentos definidos nesse ponto de pauta estão a produção de uma nota da ADUFCG sobre o tema e a sua divulgação, a iniciativa de pautar o tema no Conselho Universitária, para que aquele colegiado também se posicione contra este tipo de prática e a abertura de processos administrativos e judiciais contra qualquer integrantes da comunidade universitária envolvido neste tipo de iniciativa.

Paralisação
Além da paralisação do dia 16 de agosto, os professores da UFCG também suspenderão suas atividades amanhã (11/08), no Dia Nacional em Defesa da Educação Pública. As atividades previstas começarão com uma panfletagem a partir das 7h, no portão principal da universidade, seguida de debates, na sede da ADUFCG, às 9h e às 18h30.



com Ascom
Compartilhe: :

0 comentários:

Postar um comentário