Home » » Mudanças, remoções e promoções de juízes na Paraíba.

Mudanças, remoções e promoções de juízes na Paraíba.

Picuiense Dr Edailton Silva - imagem do facebook 
Desta forma, foram promovidos, através do critério de antiguidade, os juízes Vanessa Andrade Dantas Liberalino da Nóbrega (2º Juizado Auxiliar de Família da 1ª Circunscrição da Capital), Gilberto de Medeiros Rodrigues (1ª Vara da Fazenda Pública de Campina Grande) e Edailton Medeiros da Silva (2º Juizado Especial Cível de Campina).

Do mesmo modo, os juízes Antônio Gonçalves Ribeiro Júnior (6ª Vara Cível de Campina Grande), Inês Cristina Selbmann (comarca do Conde), Luciana Rodrigues Lima (unidade Itabaiana), Israela Cláudia da Silva Pontes Azevedo (4ª Vara de Santa Rita), Marcos Aurélio Jatobá Filho (Vara de Feitos Especiais de Campina) e Algacyr Rodrigues Negromonte (Vara Privativa da Infância e Juventude de Campina Grande).

Já pelo critério de merecimento foram removidos para a unidade de Campina Grande os magistrados Ramonilson Alves Gomes (1º Juizado Auxiliar Cível), Falkandre de Sousa Queiroz (1º Juizado Auxiliar Criminal), Déborah Cavalcanti Figueiredo (1º Juizado Especial Cível), Max Nunes de França (5ª Vara Cível) e Maria Aparecida Sarmento Gadelha (7ª Vara Cível).

Também foram removidos as magistradas Giovanna Lisboa Araújo de Souza (3ª Vara Mista de Cabedelo) e Ana Amélia Andrade Alecrim Câmara (6ª Vara Cível de João Pessoa).

Presente à sessão extraordinária, o juiz Horácio Ferreira de Melo Júnior, presidente da Associação dos Magistrados da Paraíba (AMPB), o qual fez questão de agradecer ao desembargador Marcos Cavalcanti de Albuquerque e a todos os desembargadores pelos pedidos aprovados de remoções e promoções de 16 magistrados.

“Este dia é memorável para a Magistratura do Estado, por conta dessas remoções e promoções”, ressaltou o juiz Horácio Ferreira.

Convocação – Ainda durante a pauta administrativa, a Corte aprovou, ad referendum, a indicação do juiz Tércio Chaves de Moura para substituir a desembargadora Maria das Neves do Egito, durante o período de 19 de outubro a 19 de dezembro, no Pleno, na Primeira Seção Especializada Cível e na Segunda Câmara Cível.



Redação com Ascom
Compartilhe: :

0 comentários:

Postar um comentário