Últimas Notícias

NOVA FLORESTA: MP vai investigar denuncia de nepotismo na nova administração.

Imagem: Reprodução

Sindicato denunciou nomeação de parentes de prefeito e vice para secretarias

O Ministério Público Estadual vai apurar a denúncia de nepotismo, na Prefeitura de Nova Floresta, no Curimataú paraibano feita pelo Sindicato dos Trabalhadores Rurais. O pedido de investigação por improbidade administrativa foi protocolado no MPE pelo presidente da entidade, Francisco de Assis Macedo, mais conhecido como Chico Menino. As investigações vão ser conduzidas pelo promotor Eduardo de Freitas Torres.

De acordo com a denúncia, os secretários, em sua maioria, são parentes do prefeito Jarson Santos (PSB) e do vice-prefeito João Cavalcante de Oliveira Filho. No documento, o sindicalista cita os nomes de Maria Aldenora dos Santos Silva (secretária de Educação, mãe do prefeito, e o irmão Jeude Santos, titular da pasta de Transportes, além da sogra Marta Lúcia, chefe de gabinete. 

Também integram o primeiro escalão João Paulo Cavalcante, secretário de Esporte, filho do vice-prefeito e Theane Andrade (secretária de Saúde), prima da esposa do prefeito.

Lei Antinepotismo

Chico Menino também está coletando assinaturas para um projeto de inciativa popular com o objetivo de proibir o nepotismo na Prefeitura de Nova Floresta. Segundo ele, uma lei antinepotismo vai acabar o loteamento de cargos pelos familiares do prefeito e vice-prefeito.

“A pressão familiar é grande para conseguir um determinado cargo. Os parentes acham que devem ser beneficiados. Com o projeto antinepotismo, o gestor atual e os próximos vão trabalhar com mais liberdade”, ressaltou.

Competência

Procurado pela reportagem na prefeitura, o gestor Jarson Santos não foi encontrado. A assessoria indicou o secretário de Administração, José de Arimateia, para comentar a denúncia feita ao MP. Todavia, ele não retornou as ligações.

Em entrevista recente à imprensa de Nova Floresta, o prefeito Jarson Santos explicou os critérios de escolha dos auxiliares. “Sabemos que estamos em crise, dificuldades iremos ter, mas nós não podemos nos esconder atrás da crise. Iremos buscar soluções para o nosso município. As indicações, a partir da Secretaria de Administração até a última, foram todas competentes, indicadas por méritos, pessoas que conhecem e entendem de cada uma secretaria que vai exercer”, enfatizou o prefeito.




Jornal da Paraíba

Nenhum comentário