Últimas Notícias

Tota Guedes afirma que 80% dos municípios da Paraíba não terão condições de pagar salários nem o 13º.


Pelo menos 80% dos municípios paraibanos só poderão pagar os salários de novembro, dezembro e o 13º, se receberem ajuda do governo federal. Foi o que afirmou o presidente da Famup, Tota Guedes (foto), em entrevista à Rádio Campina FM.

Ele disse que a maioria dos municípios da Paraíba tem apenas o Fundo de Participação dos Municípios (FPM) como receita e que estes passarão por sérias dificuldades para cumprir com pelo menos a folha de servidores.

– A situação é gravíssima. Os prefeitos estão atravessando um ano complicado onde a receita principal do FPM não teve reação de nada, enquanto que o salário mínimo, o piso dos professores, os medicamentos, os combustíveis aumentaram. Isso inviabiliza qualquer gestão – disse.

Tota ressaltou que a situação deste ano dos municípios paraibanos é pior que a do ano passado, porque o repasse da repatriação foi bem menor do que se havia previsto.

Segundo ele, os prefeitos esperavam um montante de R$ 700 mil e apenas R$ 80 mil foi repassado.

A solução para isso, de acordo com Tota, só será possível quando houver uma reforma no modelo de Federação, pois, atualmente, a União fica com pelo menos 60% do que é arrecadado e o restante é dividido entre estados e municípios.

Para tentar garantir um repasse maior do FPM, para os próximos meses, a Famup vai realizar uma reunião, na próxima semana, no auditório do Tribunal de Contas com prefeitos para através de deputados federais e senadores, cobrar do governo federal um repasse maior.


*As informações são da Rádio Campina FM.

Nenhum comentário