Últimas Notícias

Eleições 2018: Maranhão diz que não existe bloco das oposições na Paraíba.


Pré-candidato a governador, ele diz que não há junção formal das legendas

O presidente estadual do MDB, senador José Maranhão, disse em Campina Grande que não existe bloco da oposição na Paraíba com vistas às eleições estaduais deste ano. A declaração foi feita ao ser indagado qual o critério ideal das forças oposicionistas para a definição do candidato do grupo.

“Eu não posso falar em nome das forças de oposição porque eu não recebi essa delegação. Aliás não podia receber porque essa entidade ainda não existe, o que existe é partidos que estão na oposição, mas até hoje não foi celebrada uma junção formal de todos esses partidos e a retirada de uma posição definitiva”, afirmou Maranhão, numa alusão aos demais pré-candidatos: o prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo (PSD), e o prefeito de Campina Grande, Romero Rodrigues (PSDB).

Lançado pelo MDB

O senador ressaltou que foi o primeiro candidato ao governo lançado pelo seu partido por meio da decisão da executiva estadual por unanimidade. Diante disto, ele está cumprindo o seu papel como pré-candidato. “A minha pré-candidatura está muito bem graças a Deus porque a gente vem recebendo a solidariedade, o apreço, a manifestação de muitos segmentos da política partidária e sobretudo do povo anônimo, mas decisivo nas suas escolhas”, frisou Maranhão.

Fundo de campanha

José Maranhão não confirmou que se o MDB da Paraíba tiver candidato ao governo receberá R$ 32 milhões do fundo público para campanha eleitoral. “ Vamos ver se esse dinheiro vai chegar mesmo para campanha”, comentou o senador, que se reuniu, na Rainha da Borborema, no final de semana, com o vereador Olímpio Oliveira (MDB) e depois com o ex-deputado Carlos Dunga.



Com Jornal da Paraíba

Nenhum comentário