Últimas Notícias

Famup promete levar 400 gestores para XXI Marcha dos Prefeitos, em Brasília.


A Federação das Associações de Municípios da Paraíba (Famup) levará 400 gestores públicos para a XXI Marcha a Brasília em Defesa dos Municípios, que começa na próxima segunda-feira, 21 de maio, no Centro Internacional de Convenção, em Brasília. A entidade destaca que o evento abordará pontos estratégicos para o desenvolvimento dos municípios. Entre eles está o debate com os presidenciáveis, onde será discutido o projeto de Brasil que cada candidato defende, levando em consideração as políticas de crescimento para os municípios.

Como proposta da Famup, encaminhada pelo presidente Tota Guedes, está a discussão sobre a partilha dos royalties do pré-sal como forma de promover maior estabilidade para os municípios, bem como as políticas públicas de abastecimento com o uso de Carro pipa, o pacto federativo, aumento dos programas sociais e melhor distribuição de renda para os municípios.

Com o tema Compromisso com o Brasil, o contará com a presença do presidente da República, Michel Temer, e ministros, durante a sessão solene de abertura e dos presidentes da Câmara dos Deputados e do Senado Federal, Rodrigo Maia (DEM-RJ) e Eunício Oliveira (MDB-CE), além de diversos outros parlamentares, que também são aguardados pelos mais de cinco mil gestores municipais já inscritos no evento.

Também está programada uma coletiva de imprensa com o presidente da Confederação Nacional de Municípios (CNM), Paulo Ziulkoski, no dia 22. Ele deve receber os jornalistas para apresentar novos estudos e para falar do evento e do encerramento de seus 21 anos de gestão. A cerimônia de posse da nova diretoria da Confederação está marcada para o dia 23, às 11h. Antes do ato, a Marcha prevê plenária sobre a pauta prioritária do Congresso Nacional, com a presença de parlamentares de todos os Estados.

Programação

A intensa programação deste ano também reserva um espaço para tratar temas locais vinculados ao Judiciário, como o abaixo-assinado dos royalties, que requer decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) para distribuição igualitária dos recursos arrecadados com a exploração do petróleo; e a plenária O Legislativo municipal e o Controle Externo, que deve receber representantes do Tribunal de Contas da União (TCU).

A Marcha é considerada um dos maiores eventos municipalistas do mundo, sendo realizada pela CNM em parceria com as entidades estaduais e microrregionais municipalistas. Durante quatro dias, a capital do poder estará imersa no universo municipal. Prefeitos, vice-prefeitos, vereadores e demais agentes municipalistas esperam levar em suas bagagens, na volta à sua realidade local, respostas à esperança de mudanças significativas nas relações federativas, o que impacta diretamente na vida da população.

Credenciamento

Com a presença do presidente Temer, o credenciamento para a cerimônia de abertura da XXI Marcha passa a ser de competência do Palácio do Planalto. No entanto, o acesso às demais atividades, inclusive às plenárias com candidatos à presidência da República, será mediante credenciamento feito pela Confederação, no Centro Internacional de Convenções do Brasil (CICB). Destaca-se que o credenciamento começa às 14 horas do dia 21 de maio.


Com Ascom

Nenhum comentário