Últimas Notícias

Ladrão furta capela de Nossa Senhora Aparecida em Picuí. VEJA VÍDEO:

Imagens da ação compartilhadas em grupos de whatsApp 

Por volta da meia noite do dia 28 de fevereiro e uma hora da manhã do dia 1º de março 2019, a capela de Nossa Senhora Aparecida, erguida por um grupo de devotos, no alto do cruzeiro, bairro Monte Santo em Picuí, foi furtada por alguém ainda não identificado.

A ação foi flagrada pelas câmeras de segurança existentes no local, que mostram a chegada de um homem e em seguida arromba a caixa de ofertas levando toda quantia existente no recipiente. De acordo com informações de uma devota, zeladora do local, as ofertas feitas pelos visitantes e fiéis servem para a manutenção do pequeno santuário. Apesar de ser revestida em mármore, o meliante conseguiu quebrar o revestimento e ter acesso a caixa de ofertas, furtando o que encontrou e fugindo em seguida. VEJA O VÍDEO:


Os devotos que cuidam do local pedem a ajuda da comunidade no sentido de informar a polícia, caso alguém tenha alguma pista do ladrão que praticou esse roubo.  O telefone da delegacia de polícia é o seguinte: (83) 3371-2324. A informação pode ser feita sigilosamente, sem a necessidade da identificação do informante.

O pequeno templo foi construído por um grupo de devotos e voluntários, com doações da comunidade e entregue a comunidade no dia 12 de outubro de 2018. Além de ser um local de respeito, silêncio e orações, o espaço tornou-se também um ponto turístico da cidade, visitado por um grande número de pessoas.


“Rogamos a nossa senhora que, quem fez isso possa se arrepender do ato que praticou e quem sabe, encontrar uma maneira de devolver o que furtou” - disse uma devota.

História

Certo dia, uma devota teve um sonho e ao despertar, sentiu que naquele local, no alto daquele morro, poderia ser erguida uma capela em homenagem a Nossa Senhora Aparecida. A ideia foi compartilhada com um grupo de devotos (as) e imediatamente a equipe se mobilizou junto à comunidade e o pequeno templo foi erguido através de doações de populares como material de construção, dias de serviços ofertados por voluntários da construção civil e doações em dinheiro.
O local tornou-se um ponto de visitação, onde muitos renovam sua fé.



ClickPicuí

Nenhum comentário