Home » » Manifestantes pró e contra governo rejeitam Temer e Cunha, diz Datafolha.

Manifestantes pró e contra governo rejeitam Temer e Cunha, diz Datafolha.


Em São Paulo, tanto os manifestantes que foram à Avenida Paulista pedir a saída de Dilma Rousseff, quanto os que foram ao Vale do Anhangabaú protestar contra o impeachment defendem o afastamento do vice-presidente Michel Temer, segundo pesquisa Datafolha.

A maioria – nos dois lados – também defende a cassação do presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ).

No protesto da Paulista, 54% disseram ser favoráveis à saída de Temer e 68% disseram que a gestão dele, caso se confirme o impeachment de Dilma, será ruim ou péssima.

Segundo organizadores, 800 mil pessoas estiveram na Paulista neste domingo (17), quando foi votada na Câmara a abertura do processo de impeachement. Segundo a Polícia Militar, foram 215 mil manifestantes.

No Vale do Anhangabaú, 79% defenderam o afastamento do vice e 88% disseram que o governo dele será ruim ou péssimo.

Segundo organizadores, 200 mil pessoas estiveram no Anhangabaú. Segundo a PM, havia 75 mil manifestantes.

O Datafolha ouviu 1.147 pessoas no Anhangabaú e 2.078 na região da Paulista, entre 15h e 22h. A margem de erro é de 3 pontos percentuais, para mais ou para menos, na pesquisa feita com os favoráveis a Dilma, e de 2 pontos entre os contrários à presidente.

Eduardo Cunha
No protesto pró-Dilma, 94% defenderam a cassação de Cunha. Na Paulista, 87% disseram o mesmo.

O presidente da Câmara é réu no Supremo Tribunal Federal, suspeito de receber propina do esquema investigado na Lava Jato. Ele também responde a um processo no Conselho de Ética da Câmara.



G1
Compartilhe: :

0 comentários:

Postar um comentário