Home » » PRB, PSDB, PSOL e PT oficializam candidatos à Prefeitura de São Paulo.

PRB, PSDB, PSOL e PT oficializam candidatos à Prefeitura de São Paulo.

Celso Russomanno (PRB), João Doria (PSDB), Luiza Erundina (PSOL) e Fernando Haddad (PT) tiveram suas candidaturas oficializadas neste domingo
PRB, PSDB, PSOL e PT oficializaram neste domingo (24) os nomes dos seus candidatos nas eleições para a Prefeitura de São Paulo. O PT terá o prefeito Fernando Haddad concorrendo à reeleição. O PRB terá o deputado federal Celso Russomanno. O PSDB lançou o empresário João Doria. E o PSOL terá a deputada federal e ex-prefeita Luiza Erundina.
O primeiro turno das eleições municipais de 2016, que elegerão em todo o país prefeitos e vereadores, será realizado em 2 de outubro, primeiro domingo do mês. O segundo turno, somente em cidades com mais de 200 mil eleitores, está marcado para 30 de outubro, último domingo do mês.
O prazo para os partidos registrarem suas candidaturas termina no dia 15 de agosto. A propaganda eleitoral em rádio e televisão será de 26 de agosto a 29 de setembro.

PT oficializa Haddad
O Partido dos Trabalhadores (PT) oficializou neste domingo (24) a candidatura de Fernando Haddad à reeleição para prefeito de São Paulo e anunciou o nome do ex-secretário municipal de educação Gabriel Chalita (PDT) como candidato a vice.
O anúncio foi feito durante a convenção do diretório municipal do partido na Quadra do Sindicato dos Bancários, no Centro de São Paulo.
"É uma disputa dura, é uma disputa difícil. Nas eleições municipais só se olha para São Paulo", disse Haddad em discurso. "São Paulo é um país."
Sobre a escolha do vice, Haddad falou: "Chalita é uma figura conhecidíssima, campeão de votos para deputado federal, muito bem votado para prefeito em 2012. Já tinha me dado apoio no segundo turno e agora acompanha a chapa para demonstrar que a gente quer unidade da cidade em benefício de quem mais precisa".

PRB oficializa Russomano
O Partido Republicano Brasileiro (PRB) oficializou a candidatura do deputado federal Celso Russomanno à Prefeitura de São Paulo. O candidato a vice na chapa ainda não foi anunciado. O PRB fez coligação com os partidos PSC, PTN e PEN.
"Pretendemos administrar São Paulo com serviços públicos de qualidade. E de que eu vou para rua e faço, ninguém aqui tem dúvida", disse Russomanno.
"Quero estar cercado de bons políticos e ótimos técnicos. Mas o papel do prefeito é ser o zelador da cidade, não o síndico. Porque é o zelador que vai na ponta e vê o cano estragado."
Russomano disse que não teme ter a candidatura impugnada por causa de um processo que corre no Supremo Tribunal Federal (STF) de peculato (desvio de dinheiro público). "Eu não tenho nenhuma insegurança jurídica.

PSDB lança Doria
A convenção municipal do PSDB em São Paulo confirmou neste domingo (23) o nome do empresário João Doria para a disputa ao cargo de prefeito da capital em outubro. Seu vice será o deputado federal Bruno Covas (PSDB).
A coligação de Doria é fornada por oito partidos. Além de PSDB, PSB e DEM, também fazem parte da coligação PTC, PMB, PHS, PV, PPS, PP, PRP e PTdoB.
Doria foi apontado como o nome do partido para as eleições deste ano após vencer as prévias do partido. Ele foi o primeiro colocado no primeiro turno. No segundo turno, o candidato Andrea Matarazzo se retirou da disputa e deixou o partido para se filiar ao PSD.

PSOL oficializa Erundina
O Partido Socialismo e Liberdade (PSOL) oficializou neste domingo (24) a candidatura da deputada federal Luiza Erundina nas eleições para prefeito de São Paulo. Ela vai compor a chapa com o deputado federal Ivan Valente como candidato a vice.
"Queremos fazer de São Paulo uma cidade das pessoas, invertendo prioridades e dando poder de decisão ao povo. Contra o vale da tudo da politica tradicional, acreditamos que sim, os sonhos podem governar", disse Erundina.
"Temos que fazer uma campanha pedagógica, para ensinar a política e resistir ao golpe e aos retrocessos. Eu não ficarei no gabinete, vou andar por toda a cidade. Vou ser a prefeita que conversa com as pessoas; irei até os problemas."
A convenção municipal do PSOL foi na sede do Sindicato dos Trabalhadores em Água e Esgoto e meio ambiente do Estado de São Paulo, na Zona Norte.
"A possibilidade de estarmos no segundo turno, com o conhecimento que a população de São Paulo tem de Erundina, é muito grande", afirmou Ivan Valente. Luiza Erundina foi prefeita do município de São Paulo entre 1989 e 1993, eleita na época pelo PT.


G1
Compartilhe: :

0 comentários:

Postar um comentário