Últimas Notícias

Deficiente físico é morto com golpes de vaso sanitário em cidade da Paraíba.


Um deficiente físico de 50 anos foi morto após ser agredido com um vaso sanitário, no bairro Malvinas, em Campina Grande. A ocorrência foi registrada pelo Centro Integrado de Operações Policias (Ciop) na terça-feira (28). Ainda na terça, a Polícia Civil conseguiu prender o suspeito do crime. Por conta da deficiência, a vítima não teve como se defender das agressões.

Segundo informações repassadas pela Polícia Militar, a vítima estava bebendo na casa do suspeito quando eles tiveram um desentendimento e o agressor teria usado um vaso sanitário para esmagar a cabeça do homem.

Uma ambulância do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) chegou a ser acionada e  prestou socorro à vítima, mas ele não resistiu aos ferimentos e morreu.

O suspeito do crime, de 30 anos, foi identificado e localizado pela Polícia Civil. O homem confessou o crime e disse que no momento das agressões estava embriagado. Segundo a Polícia Civil, ele informou que tinha uma rixa antiga com a vítima e que, além do vaso sanitário, usou pedaços de uma escada e uma pá para espancar o deficiente. Na casa do suspeito foi apreendida a camisa que ele vestia no momento do crime. Ele foi preso e enquadrado no crime de homicídio qualificado.

Outro homicídio registrado em Sumé

Outro homicídio semelhante foi registrado na cidade de Sumé, no Cariri paraibano, na madrugada desta quarta-feira (1º). Segundo informações repassadas pela Polícia Militar, a vítima foi cobrar uma dívida à mulher do suspeito, quando os dois discutiram e ele acabou sofrendo agressões físicas.
A vítima ainda chegou a ser socorrida por uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e foi levada para o Hospital Municipal de Sumé. O homem não resistiu aos ferimentos e morreu. O suspeito de cometer o crime fugiu do local.



G1

Nenhum comentário