Últimas Notícias

Saúde divulga atualização no Plano Estadual de Vacinação contra a Covid-19.

A Secretaria de Estado da Saúde (SES) divulgou, nesta segunda-feira (01), uma nova versão do Plano Estadual de Vacinação contra a Covid-19. Esta segunda edição traz atualizações dos grupos prioritários, informação sobre a situação epidemiológica da Paraíba e reforça a notificação dos efeitos adversos, sempre baseado no Plano Nacional.

De acordo com a coordenadora do Núcleo de Imunização da SES, Isiane Queiroga, foram poucas as alterações com relação à primeira versão. Uma das principais mudanças foi a estimativa populacional para a Campanha Nacional de vacinação contra Covid-19, que passou a ser 1.331.853 pessoas. Outra alteração foi para o grupo de grávidas, puérperas e lactantes.

“A segurança e eficácia das vacinas não foram avaliadas nestes grupos. Porém, estudos em animais não demonstraram risco de malformações. Para as mulheres pertencentes a um dos grupos prioritários, que se apresentem nestas condições de gestantes, lactantes ou puérperas, a vacinação poderá ser realizada após avaliação cautelosa dos riscos e benefícios e com decisão compartilhada, entre a mulher e seu médico”, explica.

A coordenadora explica que, antes de ser publicada, a nova versão do Plano Estadual passou pela avaliação do Grupo Técnico Estadual (GT) da vacinação contra a Covid-19. O GT tem como função contribuir com a tomada de decisões, com base nas melhores evidências científicas, e considerando o contexto das necessidades da Paraíba, com o acompanhamento permanente do desenvolvimento das ações de vacinação Covid-19, no Estado.

“É uma equipe de apoio para a tomada de decisão da Secretaria. Todas as decisões são discutidas dentro do Comitê. A gente vem se reunindo periodicamente e isso faz com que o nosso plano fique mais robusto, mais completo, porque tem um olhar de várias instituições. E o olhar de cada espaço para que a gente consiga um todo e uma oferta de qualidade, além da implantação exitosa da vacina”, pontua.

O Grupo Técnico Estadual é constituído por representantes da SES, da Secretaria Estadual de Segurança da Paraíba, do Distrito Sanitário Especial Indígena (DSEI), do Conselho de Secretários Municipais de Saúde da Paraíba (Cosems-PB), do Conselho Estadual de Saúde da Paraíba, da Sociedade Brasileira de Imunizações na Paraíba (SBIm) e do Núcleo Estadual do Ministério da Saúde na Paraíba (Nems/PB).

O representante da ISBIm, Clebson Veríssimo, o GT tem a responsabilidade de fazer alterações no Plano Estadual, recomendações, elaborar notas técnicas orientando a todos os 223 municípios sobre a melhor forma de operacionalização da campanha de vacinação. “Dessa forma, garantimos que em todos os territórios aconteça uma vacinação equitativa, conforme os grupos prioritários. No plano também disponibilizamos orientações da logística de transporte dessas vacinas, as boas práticas de vacinação e, para a melhor segurança dos vacinados, o monitoramento dos possíveis eventos adversos”, afirma.

A segunda edição do Plano Estadual de Vacinação está disponível para acesso no link https://paraiba.pb.gov.br/diretas/saude/coronavirus/painel-de-vacinacao-1/plano-operacional-da-estrategia-de-vacinacao-a-covid-19-paraiba_2-ed-1.pdf .

 

Secom PB

Nenhum comentário