Últimas Notícias

Os Cavaleiros do Apocalipse já estão em Picuí.

Fabiana Agra - Advogada e Jornalista - Foto: Perfil/WhatsApp

Causa-me espanto os últimos acontecimentos envolvendo os vereadores da oposição de Picuí; e como faço parte do corpo técnico da gestão, relutei em escrever algo do próprio punho sobre a questão, mas há situações em que se faz necessário muito mais do que apenas compartilhar explicações – então, achei por bem escrever algo sobre o posicionamento dos 6 vereadores da oposição; posicionamento este que, se persistir, significará não uma vitória do “lado contrário”, mas o retrocesso e a miséria para todo o município.

E para ilustrar as minhas palavras, busquei nos livros uma história parecida com o descalabro dos nobres edis, ao não votarem o orçamento para 2022 e os novos serviços do Código Tributário; confesso que não encontrei nada mais apropriado do que algumas passagens contidas no Livro do Apocalipse de São João.

Em Picuí, não é de hoje que os arautos do atraso, da ignorância, da penúria, da fome e da miséria anunciam a chegada das bestas apocalípticas entre nós. Decerto a primeira já chegou faz tempo, montada em um cavalo branco, representando o próprio Anticristo: propagando falsas promessas, no intuito de que a população volte a receber apenas migalhas, em troca de um apoio incondicional ao seu projeto de governar apenas para os seus.

O Anticristo, no entanto, não chegou sozinho: cavalga, ao seu lado direito, a besta da guerra, montada em um cavalo vermelho, espalhando destruição e miséria por onde passa; ao seu lado esquerdo, cavalga a besta da fome, montada em um cavalo negro, representando o colapso econômico e a miséria do povo. Na retaguarda do Anticristo, cavalga a quarta besta, montada em um cavalo-baio – amarelo-esverdeado – representando a própria morte, a morte do desenvolvimento e da esperança em dias melhores para todos nós, picuienses.

Esta visão tacanha, mas que já ronda o nosso cotidiano, foi a única analogia encontrada na literatura mundial, que faz jus ao que anda acontecendo em Picuí – nos dias que antecedem o aniversário daquele que nasceu para morrer pela humanidade e, assim fazendo, salvar a todos nós. Inacreditável, né? Mas é o que está acontecendo.

É algo tão perverso, tão surreal, que não quero acreditar que os 6 vereadores da oposição continuarão a persistir nesta maldade, não quero acreditar que eles irão assinar a maldição para Picuí, uma vez que, caso não votem o orçamento, deixarão todo o município paralisado economicamente, decretando a falência do comércio e dos pequenos empreendedores, dando a ordem para que se parem todas as obras que estão sendo executadas no município, além de deixarem servidores e aposentados sem receber integralmente seus salários, asfixiando, assim, todo o nosso Picuí.

É algo tão perverso, tão maldoso, que não quero acreditar que os 6 vereadores da oposição, a não votarem as mudanças no Código Tributário, evitarão que se criem cerca de 2 mil empregos em um município tão carente!!!

Não, não creio nisso. Eu tenho a convicção de que o espírito natalino tocará o coração de cada um deles, fazendo com que os 6 vereadores da oposição mudem de ideia, porque eles precisam deixar de seguir a maldade encarnada em um projeto político de destruição do município, e voltarem a trabalhar em prol da população, que foi quem os elegeu!

E na antevéspera do nascimento de Jesus, estou aqui a falar de escatologia, mas foi necessário assim proceder; é preciso, através dessa analogia, tocar o coração dos 6 vereadores da oposição de Picuí, porque para cada ação, sempre ocorre uma reação, e eu tenho a certeza que os 6 vereadores da oposição ainda não se deram conta do que acontecerá caso eles persistam nesta atrocidade; os seus atos – no caso, as suas omissões -, tal como aconteceu no Egito, com o faraó, atrairão sobre as suas cabeças, a destruição da nossa economia, a fome do nosso povo e a morte da esperança em dias melhores para Picuí.

Este é o meu apelo aos 6 vereadores da oposição: dispam-se das vestes da maldade que lhes foram entregues! Saiam de perto dos 4 cavaleiros do apocalipse, porque eles só aqui permanecerão com a permissão de cada um de vocês. Sejam bons para a população, façam o bem seu povo! Vocês têm filhos, pais, mães, irmãos, primos, amigos e eleitores, que moram em Picuí! Sejam presentes, vivam Picuí. Não caiam na armadilha de quem só quer o pior para Picuí!

O meu desejo, neste Natal, é que os 6 vereadores da oposição sejam tocados pelo espírito natalino e façam o que é bom para Picuí. De verdade! Nessas horas, nem penso em cor partidária, penso apenas em afastar as cores nefastas da peste, da fome e da guerra que querem espalhar entre nós; eu penso apenas no que é melhor para os picuienses, porque eu vivo Picuí, todos os dias.

 

* Fabiana Agra

Nenhum comentário